...

EVENTOS | PROMOÇÕES | TELEFONES ÚTEIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DE SANTA MARIA/DF
HOSPITAL DE SANTA MARIA TERÁ FISIOTERAPEUTAS 24 HORAS NO CENTRO OBSTÉTRICO

Referência em partos de alto risco, o Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) será o primeiro da rede pública de saúde do Distrito Federal a oferecer fisioterapia 24 horas, todos os dias, para atender as gestantes no centro obstétrico (CO).

O atendimento era realizado de segunda a sábado, apenas no período diurno. Com a ampliação, a ideia é fortalecer o cuidado com a mulher no pré-parto e no pós-parto, estimular o parto natural, bem como humanizar o atendimento com aplicação de técnicas que trazem conforto.

Para tornar o atendimento ininterrupto, o Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF), que administra o HRSM, convocou mais quatro fisioterapeutas, possibilitando que a fisioterapia no CO comece a funcionar 24 horas a partir deste domingo (1).

Uma das pacientes atendidas pelo serviço no CO do HRSM, a moradora de Luziânia Andressa Rejany da Silva Souza, 26 anos, conta como se sentiu durante a terapia feita no pré-parto no dia 24 de fevereiro, quando entrou em trabalho de parto para dar à luz Henrique da Silva.

“Uma fisioterapeuta chegou dizendo que iria me ajudar, passou óleo mineral no meu corpo, fazendo massagem para reduzir a dor da contração e me ensinando posições para dilatar mais rápido. Ela passou essência de lavanda no meu nariz para eu ficar mais relaxada. Gostei muito, me senti muito bem tratada e eu recomendo muito para todo mundo”, disse.

Rejany também se lembra do estímulo emocional que recebeu da profissional. “Ela me incentivou a ter forças e a não desanimar. Eu tinha que fazer muita força e ela me ajudou. Eu me surpreendi muito, porque não imaginei ter um tratamento assim em um hospital público”, revelou a paciente, que recebeu alta no dia seguinte.

Paula Sandra dos Santos Oliveira, 39 anos, também contou com a ajuda das fisioterapeutas antes do nascimento do nono filho no dia 21 de março. Davi dos Santos Oliveira nasceu com 43 centímetros, pesando 1,935 quilos.

“Eu estava sentindo muita dor antes do parto, mas com a ajuda da fisioterapia, as dores aliviaram bastante. Elas me acalmaram e me relaxaram. Após os exercícios feitos com as fisioterapeutas, em uns 20 minutos o bebê já nasceu com parto normal. Foi muito bom o atendimento”, disse.

Já a paciente Elisa Siqueira de Moura, 19 anos, mãe pela segunda vez, conta que, no dia 19 de março, a bolsa com líquido amniótico estourou antes do tempo previsto. Por isso, precisou ser internada às pressas no HRSM. Mas graças ao atendimento recebido, foi possível prorrogar a data do nascimento, o que ajudou o bebê a ganhar mais peso ainda no ventre da mãe.

“Eu fiquei desesperada, porque a gente espera que a bolsa estoure na hora certa. Fiquei preocupada, angustiada, mas a equipe foi maravilhosa, conversou comigo, me explicou, disse que estava sendo acompanhada pelos melhores profissionais”, disse a paciente, que também recebeu orientação da equipe de fisioterapia por se tratar de uma gestação de alto risco.

Histórico

A gerente multiprofissional do HRSM, Luciana Guimarães, conta que a oferta de fisioterapia no centro obstétrico não é obrigatória, apesar de existirem projetos de lei que tratem sobre o assunto. A ideia de criar o serviço no CO veio em março de 2020, quando foi necessário fechar serviços ambulatoriais por causa da pandemia de covid-19. “Surgiu a ideia de começar um projeto piloto e duas pessoas que trabalham no ambulatório foram atuar na maternidade para coletar dados e começar esse trabalho, o que deu muito certo”, recorda.

Segundo ela, hoje o projeto chamado Fisioterapia na Saúde da Mulher conta com um fluxo de acompanhamento que começa na admissão de pacientes no centro obstétrico, passa pela maternidade e vai até após a alta hospitalar no ambulatório.

Dessa forma, há seis profissionais envolvidas atualmente, sendo três para o CO, que passará a ter sete com a nova contratação, duas para a maternidade, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, e uma no ambulatório, com agendamentos para as mulheres que já receberam alta.

Geisielli da Silva Cruz, uma das primeiras fisioterapeutas a iniciarem o projeto, explica como funciona o serviço na maternidade. “Fazemos uma busca ativa para procurar as mães que mais precisam desse atendimento. Criamos um tratamento de forma individualizada de acordo com a necessidade, o que ajuda inclusive a diminuir o tempo de internação”, disse.

Já a fisioterapeuta do Ambulatório, Giovanna Cassaro, destacou que, após a gestação, a mulher pode ter diversas intercorrências, sendo algumas delas causada pelo peso da barriga que gera pressão no assoalho pélvico. “Elas podem ter incontinência urinária, lacerações que podem gerar dor na relação sexual, e outras consequências do parto, então a fisioterapia é muito importante para devolver a qualidade de vida dessas mulheres”, finalizou.

Dados

O HRSM realizou, apenas em fevereiro de 2022, 319 partos, sendo 171 normais e 148 cesáreas. Na maternidade, as fisioterapeutas fazem, em média, 500 atendimentos por mês. No ambulatório, são aproximadamente 20 atendimentos.


Publicado em: 02/05/2022 - 15:03:05
Redação: Agência Brasília
Fotos: Agência Brasília
Fonte: www.agenciabrasilia.df.gov.br
Compartilhar:






MAIS NOTÍCIAS
Cidadãos que precisarem resolver questões relativas ao fornecimento de energia elétrica podem contar, nesta semana, com as agências móveis do Núcleo Bandeirante (Terceira Avenida, Bloco 790, estacionamento da Praça Padre Roque) e no SIA (canteiro central dos trechos 7 e 8, em frente à Feira dos Importados). Em ambos os locais, o atendimento será desta segunda (23) a sexta-feira, das 9h às 17h. Estão disponíveis ao público todos os serviços técnicos e comerciais, como parcelamento de débitos, solicitação de reparos danos elétricos, troca de titularidade e ligação nova, entre outros. Também há orientações de segurança, consumo consciente e regularização da energia elétrica. Atendimento diversificado Além das agências móveis, o público pode contar com pos...
Ver Mais
Compartilhar:

Cidadãos que precisarem resolver questões relativas ao fornecimento de energia elétrica podem contar, nesta semana, com as agências móveis do Núcleo Bandeirante (Terceira Avenida, Bloco 790, estacionamento da Praça Padre Roque) e no SIA (canteiro central dos trechos 7 e 8, em frente à Feira dos Importados). Em ambos os locais, o atendimento será desta segunda (23) a sexta-feira, das 9h às 17h. Estão disponíveis ao público todos os serviços técnicos e comerciais, como parcelamento de débitos, solicitação de reparos danos elétricos, troca de titularidade e ligação nova, entre outros. Também há orientações de segurança, consumo consciente e regularização da energia elétrica. Atendimento diversificado Além das agências móveis, o público pode contar com postos de atendimento em dez administrações regionais. Confira abaixo os dias e locais do serviço, que não tem necessidade de agendamento: → Segunda-feira: administrações regionais de Taguatinga, do Plano Piloto e de Santa Maria, das 9h às 17h; → Terça-feira: Ceilândia e em Sobradinho, no mesmo horário; → Quarta-feira: administrações regionais de Taguatinga e de Sobradinho II, e Câmara L...
Ver Mais

Compartilhar:
Seis unidades de conservação do Distrito Federal passarão por reformas neste ano. Executados pelo contrato de compensação ambiental, os serviços consistem na implantação de guaritas e em outras melhorias, como iluminação e estacionamento. O investimento previsto é de mais de R$ 2,1 milhões, de acordo com o Instituto Brasília Ambiental. As seis unidades são o Parque Distrital das Copaíbas, o Parque Ecológico de Santa Maria, o Parque Ecológico Anfiteatro Natural, o Arie do Bosque, o Parque Ecológico das Sucupiras e o Parque Distrital de São Sebastião. “Guarita e cercamento são medidas de proteção para o frequentador. Teremos guarita, por exemplo, no Copaíbas, um parque distrital mais restrito, que só tem trilhas rústicas. Será uma guarita com vigilância”, adianta a gestora das U...
Ver Mais
Compartilhar:

Seis unidades de conservação do Distrito Federal passarão por reformas neste ano. Executados pelo contrato de compensação ambiental, os serviços consistem na implantação de guaritas e em outras melhorias, como iluminação e estacionamento. O investimento previsto é de mais de R$ 2,1 milhões, de acordo com o Instituto Brasília Ambiental. As seis unidades são o Parque Distrital das Copaíbas, o Parque Ecológico de Santa Maria, o Parque Ecológico Anfiteatro Natural, o Arie do Bosque, o Parque Ecológico das Sucupiras e o Parque Distrital de São Sebastião. “Guarita e cercamento são medidas de proteção para o frequentador. Teremos guarita, por exemplo, no Copaíbas, um parque distrital mais restrito, que só tem trilhas rústicas. Será uma guarita com vigilância”, adianta a gestora das Unidades de Conservação do Brasília Ambiental, Rejane Pieratti. No Parque Distrital das Copaíbas, serão implantados uma guarita com vigilância e banheiros, além de pergolado ao ar livre, conjunto de lixeiras e bancos de concreto. O valor estimado desse serviço é R$ 230 mil. No Parque Ecológico de Santa Maria, serão investidos R$ 205 mil para a colocação de uma guarita com pórtico. O Parque Ecol&...
Ver Mais

Compartilhar:
O Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan) aprovou nesta quinta-feira (19), em reunião virtual, a criação de dois parcelamentos na região de Santa Maria. Os empreendimentos vão oferecer um total de 1.117 unidades com usos residencial e misto para uma população de 3.689 habitantes. Os projetos urbanísticos aprovados foram o Meireles MRV e o La Torre, ambos localizados no Setor Habitacional Meireles. Além de moradia, haverá  áreas destinadas a comércio, prestação de serviços e equipamentos públicos como escolas e espaços livres de uso público. O Meireles MRV terá 663 lotes residenciais para 2.191 habitantes . Já o La Torre será contemplado com 454 lotes de uso misto para 1.498 habitantes. Em ambos os casos foram realizados todos os estudos urbanísticos, de meio ambiente, trânsito, a...
Ver Mais
Compartilhar:

O Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan) aprovou nesta quinta-feira (19), em reunião virtual, a criação de dois parcelamentos na região de Santa Maria. Os empreendimentos vão oferecer um total de 1.117 unidades com usos residencial e misto para uma população de 3.689 habitantes. Os projetos urbanísticos aprovados foram o Meireles MRV e o La Torre, ambos localizados no Setor Habitacional Meireles. Além de moradia, haverá  áreas destinadas a comércio, prestação de serviços e equipamentos públicos como escolas e espaços livres de uso público. O Meireles MRV terá 663 lotes residenciais para 2.191 habitantes . Já o La Torre será contemplado com 454 lotes de uso misto para 1.498 habitantes. Em ambos os casos foram realizados todos os estudos urbanísticos, de meio ambiente, trânsito, além de consultas às concessionárias de serviços públicos para verificar o impacto nas redes. O aumento da oferta de lotes regularizados em áreas planejadas, que já nascem em condições de receber obras de infraestrutura, é uma das principais estratégias para combater o déficit habitacional e a ação dos grileiros. “Dessa forma, a gente consegue contribuir para o crescimento ordenado do ter...
Ver Mais

Compartilhar:
Fala galera blz  ...  Gente o frio chegou e temos muitos moradores em estado de rua infelizmente é uma escolha dolorosa pra família, mas vc que tem condições e tem em sua casa roupas de frio, cobertas. O que puder ajudar eu estarei recolhendo só me chamar no zap vamos aquecer quem tá na rua se vc quiser ajudar com leite ou Toddy também pra sairmos com chocolate quente pra ajudar algumas pessoas é só avisar que estarei fazendo essa ação voluntária blz ... Deus abençoe você desde já agradeço ... 61995736357 falar com Alex ...
Ver Mais
Compartilhar:

Fala galera blz  ...  Gente o frio chegou e temos muitos moradores em estado de rua infelizmente é uma escolha dolorosa pra família, mas vc que tem condições e tem em sua casa roupas de frio, cobertas. O que puder ajudar eu estarei recolhendo só me chamar no zap vamos aquecer quem tá na rua se vc quiser ajudar com leite ou Toddy também pra sairmos com chocolate quente pra ajudar algumas pessoas é só avisar que estarei fazendo essa ação voluntária blz ... Deus abençoe você desde já agradeço ... 61995736357 falar com Alex ...
Ver Mais

Compartilhar:
Um choro baixinho, mas um coração forte. Essa é a realidade de muitos dos bebês que nascem prematuramente e precisam de cuidados intensivos para estarem aptos à alta hospitalar. Dentro desses cuidados, a nutrição com leite materno, muitas vezes doado por lactantes que não a mãe, é fundamental para a plena recuperação dos bebês. William dos Santos é um dos pequenos que está internado na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (Utin) do Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) há 40 dias e que é alimentado pelo Banco de Leite Humano do HRSM. William nasceu no sexto mês de gestação com apenas 956 gramas, e hoje pesa 1,3 kg, mas precisa chegar aos dois quilos para ir para casa. Por enquanto, o leite chega a ele por uma sonda de alimentação, já que o sistema gastrointestinal dele é muito imaturo. Nos primeiros dias de vida, dois...
Ver Mais
Compartilhar:

Um choro baixinho, mas um coração forte. Essa é a realidade de muitos dos bebês que nascem prematuramente e precisam de cuidados intensivos para estarem aptos à alta hospitalar. Dentro desses cuidados, a nutrição com leite materno, muitas vezes doado por lactantes que não a mãe, é fundamental para a plena recuperação dos bebês. William dos Santos é um dos pequenos que está internado na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (Utin) do Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) há 40 dias e que é alimentado pelo Banco de Leite Humano do HRSM. William nasceu no sexto mês de gestação com apenas 956 gramas, e hoje pesa 1,3 kg, mas precisa chegar aos dois quilos para ir para casa. Por enquanto, o leite chega a ele por uma sonda de alimentação, já que o sistema gastrointestinal dele é muito imaturo. Nos primeiros dias de vida, dois mililitros de leite materno servidos a cada três horas eram suficientes. Hoje, William consome 24 mililitros. A mãe de William, Laissa dos Santos, 18 anos, mora em Luziânia e trabalha como auxiliar de cozinha. Ela conta que William nasceu antes do previsto por causa do descolamento da placenta. “São poucos os momentos em que posso segurá-lo nos braços. Não posso amamentá-lo diretamente, mas o leite que produzo eu entrego ao banco de...
Ver Mais

Compartilhar:
Enquanto muita gente ainda está pensando em sair da cama, cerca de 60 pessoas idosas já estão em plena atividade no Centro de Convivência Mozart Parada, na CNL 1 de Taguatinga. Sob a orientação do mestre Gilvan Alves, o grupo pratica gratuitamente a capoterapia, às terças e quintas-feiras, sempre a partir das 7h30. A atividade é fruto de uma parceria entre a unidade e o instrutor, que desde 1998 promove oficinas pelo Distrito Federal e em outros estados. “Eu tenho fibromialgia e tomava três remédios caríssimos. Com três meses de capoterapia, o doutor tirou todos”, comemora a aposentada Maria Terezinha de Almeida, de 71 anos. “Eu venho de Santa Maria até Taguatinga e iria aonde fosse. Esse momento aqui não é bom apenas para o corpo, mas para a cabeça”, enfatiza a aluna. Essa terapia corporal, destinada a idosos, se utiliza de alguns elementos ...
Ver Mais
Compartilhar:

Enquanto muita gente ainda está pensando em sair da cama, cerca de 60 pessoas idosas já estão em plena atividade no Centro de Convivência Mozart Parada, na CNL 1 de Taguatinga. Sob a orientação do mestre Gilvan Alves, o grupo pratica gratuitamente a capoterapia, às terças e quintas-feiras, sempre a partir das 7h30. A atividade é fruto de uma parceria entre a unidade e o instrutor, que desde 1998 promove oficinas pelo Distrito Federal e em outros estados. “Eu tenho fibromialgia e tomava três remédios caríssimos. Com três meses de capoterapia, o doutor tirou todos”, comemora a aposentada Maria Terezinha de Almeida, de 71 anos. “Eu venho de Santa Maria até Taguatinga e iria aonde fosse. Esse momento aqui não é bom apenas para o corpo, mas para a cabeça”, enfatiza a aluna. Essa terapia corporal, destinada a idosos, se utiliza de alguns elementos da capoeira, como a musicalidade e o ritmo do berimbau, do pandeiro, por meio de movimentos simples incorporados às cantigas de roda da época de quando eram jovens. De acordo com mestre Gilvan, o principal objetivo da atividade é socializar a pessoa idosa e trazê-la de volta à vida ativa. “Além das atividades aqui, nós realizamos caminhadas, passeios e diversas ações com o objetivo de integrar e movimentar cada um dos partici...
Ver Mais

Compartilhar:
Já estamos com nossa Campanha do Agasalho 2022! Quem puder doar, gentileza procurar @ivetefigueira ou a Associação Nova Cidadania. ...
Ver Mais
Compartilhar:

Já estamos com nossa Campanha do Agasalho 2022! Quem puder doar, gentileza procurar @ivetefigueira ou a Associação Nova Cidadania. ...
Ver Mais

Compartilhar:
A rotina da estudante Ingryd Vitoria Santos, 16 anos, não falha. Todos os dias, a moradora do Recanto das Emas sai de casa e caminha até o ponto de encontro comunitário (PEC) da Quadra 103. Costuma sentar em um dos bancos do espaço para relaxar ou bater papo com os amigos. “Gosto de passar o tempo aqui, está tudo bem cuidado e limpinho”, conta. O Distrito Federal oferece 742 PECs para a população. Desse total, 200 foram instalados nos últimos três anos pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap). Cada um dos espaços de convivência é equipado com 10 aparelhos de ginástica, pergolado e bancos. De 2019 para cá, a região administrativa que ganhou mais PECs foi o Recanto das Emas, com nove instalações novas. O administrador da cidade, Wanderley Eres de Deus, comemora a marca: “Nossos moradores usam bastante esses espaços de conviv&ecir...
Ver Mais
Compartilhar:

A rotina da estudante Ingryd Vitoria Santos, 16 anos, não falha. Todos os dias, a moradora do Recanto das Emas sai de casa e caminha até o ponto de encontro comunitário (PEC) da Quadra 103. Costuma sentar em um dos bancos do espaço para relaxar ou bater papo com os amigos. “Gosto de passar o tempo aqui, está tudo bem cuidado e limpinho”, conta. O Distrito Federal oferece 742 PECs para a população. Desse total, 200 foram instalados nos últimos três anos pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap). Cada um dos espaços de convivência é equipado com 10 aparelhos de ginástica, pergolado e bancos. De 2019 para cá, a região administrativa que ganhou mais PECs foi o Recanto das Emas, com nove instalações novas. O administrador da cidade, Wanderley Eres de Deus, comemora a marca: “Nossos moradores usam bastante esses espaços de convivência. Esperamos que a comunidade inclusive ajude a conservar esses pontos”. De acordo com a engenheira Lorrayne Rodrigues de Souza, da Diretoria de Edificações da Novacap, a ideia é que a comunidade possa usar o local como uma praça e não só para realizar atividades físicas. “Colocamos os PECs mediante solicitação das administrações regionais”, observa. “Após receber o pedido, nossa e...
Ver Mais

Compartilhar:
Se você está procurando os endereços e telefones das empresas de Santa Maria, acesse www.acheisantamaria.com.br e digite na busca o que deseja encontrar. São milhares de empresas cadastradas! ...
Ver Mais
Compartilhar:

Se você está procurando os endereços e telefones das empresas de Santa Maria, acesse www.acheisantamaria.com.br e digite na busca o que deseja encontrar. São milhares de empresas cadastradas! ...
Ver Mais

Compartilhar:
Neste sábado, a partir das 10 horas da manhã, até às 20 horas, será realizada mais uma edição da Exposição de Artesanato das Mulheres Empreendedoras de Santa Maria.  As artesãs farão a exposição dos seus produtos no 3º piso do Shopping de Santa Maria. Lá é possível encontrar diversos produtos artesanais, como crochê, itens personalizados, enfeites e até plantas ornamentais. Passe pela exposição, dê uma conferida e aproveite para comprar das empreendedoras da cidade. Mais informações pelo telefone (61) 98481-7282 zap. ...
Ver Mais
Compartilhar:

Neste sábado, a partir das 10 horas da manhã, até às 20 horas, será realizada mais uma edição da Exposição de Artesanato das Mulheres Empreendedoras de Santa Maria.  As artesãs farão a exposição dos seus produtos no 3º piso do Shopping de Santa Maria. Lá é possível encontrar diversos produtos artesanais, como crochê, itens personalizados, enfeites e até plantas ornamentais. Passe pela exposição, dê uma conferida e aproveite para comprar das empreendedoras da cidade. Mais informações pelo telefone (61) 98481-7282 zap. ...
Ver Mais

Compartilhar:




www.acheisantamaria.com.br